Tudo pode esperar. A infância do seu filho não!

Eu sempre segui um lema pessoal: quero viver ao máximo os dias com meus filhos junto de mim.

Por puro egoísmo, sabem?
Eles crescem rápido, passa muito rápido e depois eu desejo que se sintam livres para ganhar o mundo, encontrar uma alma gêmea, construir uma nova família feliz.
Enquanto os tenho, quero viver cada dia com eles como se fosse único.

Por isso me identifiquei tanto com esse texto:
“Respira. Serás mãe por toda a vida.
Ensine as coisas importantes. As de verdade. 
A pular poças de água, a observar os bichinhos, a dar beijos de borboleta e abraços bem fortes. 
Não se esqueça desses abraços e não os negue nunca. Pode ser que daqui a alguns anos, os abraços que você sinta falta, sejam aqueles que você não deu. 
Diga ao seu filho o quanto você o ama, sempre que pensar nisso.
Deixe ele imaginar. Imagine com ele. 
As paredes podem ser pintadas de novo, as coisas quebram e são substituídas. 
Os gritos da mãe doem pra sempre. 
Você pode lavar os pratos mais tarde. Enquanto você limpa, ele cresce.
Ele não precisa de tantos brinquedos. Trabalhe menos e ame mais. 
E, acima de tudo, respire. Serás mãe por toda a vida. Ele será criança só uma vez” 
(Texto atribuído a diversos autores)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s