Chega de julgamentos – e de viralizar fotos de desconhecidos!

Lembram-se dessa foto que viralizou? Tirada sem autorização, ensina o mundo a não julgar ninguém.

 

“A fotografia foi tirada num aeroporto do estado norte-americano do Colorado, em 2016, quando Lensing e a sua filha de dois meses, Anastasia, esperavam por um avião de regresso a casa. Na imagem, captada sem o seu consentimento ou sequer conhecimento, vê-se a mãe a olhar para o celular, enquanto a bebé está deitada no chão do aeroporto, em cima de um pano.”

Mais de um ano depois, ela aceitou agora esclarecer, em declarações à imprensa norte-americana, o contexto da imagem.

“Tivemos o azar de ser apanhadas por uma falha do sistema informático da Delta [companhia aérea norte-americana] o que levou a uma espera de mais de 20 horas dentro do aeroporto.”

Após várias horas a carregar a bebê no sling, a mãe diz ter precisado de descansar.

“Os meus braços estavam cansados, ela [Anastasia] precisava de se esticar – e eu precisava de falar com todos os familiares que não sabiam onde estávamos”, recorda.”

Muita gente vai dizer: mas quem tirou a foto pensava que ia ajudar. 

Se a pessoa quer ajudar uma criança em “pretensa” situação de risco, há outras formas – ir ajudar pessoalmente, buscar ajuda de autoridades – melhores do que fotografar covardemente à distância e divulgar em redes sociais sem saber a realidade.

Quer ajudar? Se ofereça de verdade, de coração.

Afinal, como faz falta na vida da gente uma pessoa amiga que fique com o bebê por 2h para ver um filme, ir ao mercado, fazer as unhas e cortar o cabelo, assistir a pregação na igreja ou só descansar!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s