O que ludoterapia e oração têm em comum?

Quem já levou uma criança na terapia ou já viu filmes que mostram cenas de psicólogos atendendo sabe: é na ludoterapia que os pequenos fazem surgir seus medos, seus sonhos, sua realidade, sua personalidade.

Você tem tido tempo para esse momento em casa?

Quando eles são pequenos, 15 minutos brincando bastam. Quando começam a crescer, convidar para acompanhar numa atividade corriqueira (vamos na feira ou na padaria?) só com a mãe ou só com o pai, deixando-os livres para falar (se/quando/sobre o que quiserem) faz milagres.

E para as famílias cristãs, como a nossa, orar juntos em voz alta dá sinais das angústias, dos motivos de gratidão e dos planos dos filhos, além de lhe permitir também deixá-los saber o que vai no seu coração, pois ao entregar seu fardo ao Senhor, você se mostra humano é falível de receios, mas cheio da esperança e da paz que a fé nos traz. Isso pode operar milagres no desenvolvimento do seu filho.

Experimente!

(e se quiser, depois me conte, ficarei feliz em saber do seu caminhar)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s