Uma caixa cheia de histórias

🎼Nós temos uma caixa cheia de histórias… e elas são demais. São demais!🎼

https://m.youtube.com/watch?v=Yqwjvmjd5Zw

Recortamos, colamos, desenhamos e trabalhamos vários conceitos de espaço e funções do cotidiano.

Pinky é uma criança de sete anos de idade que ajuda seu irmão a achar a solução para os mais diversos problemas. Ela adora inventar histórias divertidas e incentivar o uso da nossa imaginação.

Nosso dia de brincadeiras relembra uma série da infância dos irmãos, Pinky Dinky Doo.

No final, como Manu é uma aventureira, ela decidiu desenhar um carro na parte interna para poder fazer uma casa viajante.

Sempre que alguém tem um problema, Pinky ajuda a achar a solução, inventando histórias dentro de sua caixa “cheia de histórias”. Nelas, o Sr. Porquinho da Índia sempre toca uma corneta antes de alguém dizer uma palavra super incrível (como, por exemplo, duplicar, xilofone, incrível, persistente). Essas palavras são geralmente não muito comuns e Tyler sempre explica seus significados; elas são usadas diversas vezes na história inventada.

Pelo menos 56 episódios contam as histórias e brincadeiras de Pinky, uma menina feita de lápis de cor e com cabelos espetados. As situações criadas por ela estimulam o aprendizado e mostram que para tudo há uma solução.

Pinky tem uma caixa cheia de histórias, de onde inventa contos divertidos e criativos para resolver problemas reais. A cada novo episódio uma palavra nova é ensinada. Ao final de programa, ela também canta e cria jogos interativos, elementos da narrativa e da interpretação.

A animação surgiu a partir de uma coleção de livros infantis de Jim Jinkins, mesmo criador de Vila Sésamo e do desenho Doug. A série é voltada para meninos e meninas da pré-escola, com produção feita pela Sesame Workshop.

As histórias inventadas de Pinky Dinky Doo foram transmitidas pelo canal por assinatura Discovery Kids de 27 de março de 2006 até 28 de maio de 2010. Já foi exibido também em canal aberto na TV Cultura de 28 de janeiro de 2008 até 16 de abril de 2011.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s